IST_2012_simbolo_thumbnail

MD – Matemática Discreta

Dificuldade

Baixa

Carga horária

No meu caso, gastei no total 10 h (em média: 0,6 h/semana)

O que se aprende?

Usa bastante matemática, mas nada de muito complicado. Vais aprender instrumentos matemáticos para a análise de procedimentos e algoritmos, quer quanto à sua correcção, quer quanto à sua complexidade. Vais trabalhar com somas e recorrências, aprender o que é a notação assimptótica e o teorema de Euler. São abordados ainda outros assuntos com a geração de números pseudo-aleatórios, bases de Gröbner e transformada de Fourier.

Devo comprar o livro?

Os apontamentos que tiras das aulas e as práticas deverão ser suficientes para passares à cadeira com boa nota.

Dicas

Bastante importante ir percebendo os algoritmos que são lecionados nas aulas teóricas, com o devido acompanhamento durante as aulas práticas. O lado bom é que se perceberes a mecânica dos algoritmos no teste é só aplicá-los. Consegue-se normalmente notas boas (acima de 14), tal como em TC, embora no início possa parecer difícil. Aconselho a esforçares-te nos primeiros testes, para também teres algum tempo livre para as outras cadeiras deste semestre que são mais exigentes que MD.

Recursos

Página da cadeira

Teóricas, práticas, apontamentos, testes @SHELF (Cortesia: NEERCI)

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>